h1

Aulas de Anatomia

10/17/2009

Não sei se sou só eu, mas acho as aulas de anatomia o MÁXIMO, adoro!

Ver como você é por dentro, por fora, entender como nosso organismo funciona, como é tudo tão perfeitamente posicionado pra fazer tudo funcionar! Realmente o corpo humano é maravilhoso!

Vivo dizendo que eu vou me sentir realizada o dia que eu puder tocar em um cérebro! (vontade estranha né? mas tudo bem)

Minha intenção hoje, é falar sobre uma coisa que me chama muito a atenção e que está presente em todas as salas de aulas práticas de anatomia da faculdade onde eu estudo. A  “Oração ao Cadáver Desconhecido”, escrita em 1876 pelo patologista Karel Rabistansky.

Ao curvar-te com a lâmina rija de teu bisturi sobre o cadáver desconhecido, lembra-te de que este corpo nasceu do amor de duas almas; cresceu embalado pela fé e esperança daquela que, em seu seio, o agasalhou, sorriu e sonhou os mesmos sonhos das crianças e dos jovens; por certo amou e foi amado e sentiu saudades dos outros que partiram, acalentou um amanhã feliz e agora jaz na fria lousa, sem que, por ele, se tivesse derramado uma lágrima sequer, sem que tivesse uma só prece. Seu nome só Deus o sabe, mas o destino inexorável deu-lhe o poder e a grandeza  de servir  a humanidade que por ele passou indiferente”

Na minha opinião, é muito válida a presença dessa oração nas salas de aula, serve para nos lembrar, que aquele cadáver que está lá, quando vivo, pode ter vivenciado muitas das mesmas situações que nós mesmo vivenciamos, e merece ser respeitado.

O poder de servir a humanidade daqueles cadáveres é inegável. Há quem defenda que hoje em dia as aulas de anatomia não precisem mais ser em cadáveres mas do ponto de vista psicológico, é importante que os futuros profissionais aprendam a lidar com a morte.

Na minha primeira aula de anatomia, não fiquei impressionada ou com vontade de chorar, mas senti admiração. Se não fossem aqueles cadáveres como é que hoje, muitos dentistas, médicos, fisioterapeutas e muitos outros profissionais poderiam auxiliar as pessoas que precisam?

É bom que os acadêmicos pensem nisso e passem a respeitar e dar mais valor àqueles cadáveres, que são muito mais do que meras peças de estudo.

Bom final de semana pra todo mundo. Aproveitem com moderação 🙂

Anúncios

2 comentários

  1. aaaah que legal Maikel!
    tá vendo só? to me esforçando 😀


  2. Caraca eu AMO essa pintura!Tanto é que eu …ram ram…tenho um ORIGINAL desses na minha sala!kkk

    Teu blog está muito criativo!



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: